top of page

1. O AMOR QUE MAIS AMEI


Passado um longo tempo, depois até do ilusório esquecimento

Que jamais saiu dessa incompreensível saudade

Que, nos sonhos agitados, traz loucos momentos,

Rios de suores e nuvens negras de dores; qual é a verdade?

 

Num belo relance do passado, o tempo nos pegou sorrindo

E, pouco depois, nos abandonou em lágrimas. Nem permitiu um último olhar!

Mas, e essa vontade enorme de amar mais do que o amar?

Onde estão seus olhos juvenis, sua eterna alegria, o seu sorriso lindo?!

 

É uma história sem fim que tem outros atores em você, em mim,

Amores incondicionais, para sempre.

Fugir do que não tem fim? Reviver o que acabou ruim?

 

A vontade é escrava da mente e do coração fremente!

O que os olhos poderão, talvez um dia, ver além do que deixei?

Destino cruel, onde está agora, o “amor” que mais amei?!

 

Elias Do Brasil

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

RUPTURA

RUPTURA Mudei da casa onde por muito tempo vivi. Fui juntando o passado em caixotes de papelão. Alguns levarei comigo, outros no passado ficarão. Fechei a porta, deixei tristezas e levei alegrias que

Comments


bottom of page